Product Owner: Pra que?

PRODUCT OWNER

Ele é fundamental para o sucesso do projeto Scrum!

Vemos isso com mais detalhe em nosso e-book, mas…


Capa E-Book 2

Baixe o nosso e-book


...continuando nossa série para acabar com as principais dúvidas sobre o Scrum segue abaixo uma explicação bem sucinta sobre um dos personagens mais importantes para o sucesso do projeto ágil.

Este cara é o Product Owner!

Quem é o Product Owner?

O Product Owner é o ponto central do projeto ágil e é quem exerce a liderança sobre o produto que está sendo desenvolvido.

É ele quem diz o que precisa e o que não precisa ser feito em relação ao produto que está sendo desenvolvido.

É um dos os três papéis que constituem uma Equipe Scrum clássica (os outros são o Scrum Master e a Equipe de Desenvolvimento).

O Product Owner é quem faz a ponte entre a área de negócios e a Equipe Scrum.

Integração Product Owner

De um lado, o Product Owner deve entender as necessidades e prioridades de todos os envolvidos na empresa para agir como seu porta-voz. Neste sentido, ele atua como um gestor do produto, garantindo que a solução correta é desenvolvida. 
Do outro lado, o Product Owner deve se comunicar com o time scrum para ajudar na ordem em que o produto será construído. O Product Owner também deve garantir que os critérios para aceitação do produto estão especificados e que os testes que verificam esses critérios foram executados para determinar que o produto (ou release) possa ser considerado como pronto ao final do Sprint. 

Principais Responsabilidades

Este é claramente um papel para uma pessoa em tempo integral com responsabilidades significativas.

Na verdade,  você vai ver que a quantidade de coisas que o Product Owner tem que fazer e se preocupar pode até parecer muito para uma única pessoa. Na maioria das vezes, o Product Owner é uma única pessoa, mas, sob certas circunstâncias, pode se fazer necessário um time de Product Owners.

Responsabilidades Product OwnerParticipação no Planejamento

O Product Owner é um participante-chave nas atividades de planejamento de Produto, Release e Sprints:

  • Durante o planejamento do Produto o Product Owner trabalha com todas as partes interessadas da empresa (diretoria, demais departamentos, etc.) para conseguir visualizar o produto ideal.
  • Durante o planejamento de Release o Product Owner trabalha com as partes interessadas e a Equipe Scrum para definir o conteúdo do próximo lançamento.
  • Durante o planejamento do Sprint , o Product Owner trabalha com a Equipe de Desenvolvimento para definir um objetivo para o Sprint.

Grooming do Product Backlog

É o Product Owner quem supervisiona toda a preparação e refinamento (também chamado de Gromming) do Product Backlog, o que inclui: criar, atualizar, estimar e priorizar os itens.

Não é o Product Owner quem realiza todo o trabalho de grooming sozinho e ele também não estima os itens (é a Equipe de Desenvolvimento quem faz  isso), mas ele deve estar disponível para perguntas e esclarecimentos durante estimativa.

O Product Owner é, no entanto, o principal responsável para que a atividade de Grooming seja feita em prol de um fluxo de entregas que gere valor ao projeto.

Definir os critérios de aceitação e verificar se foram atendidos

O Product Owner é responsável por definir os critérios de aceitação para cada item do Product Backlog (o Scrum Master é quem o ajuda com isso).

Importante: O Product Owner deve assegurar que os critérios de aceitação (e testes de aceitação com frequência específicas) foram criados antes que o item seja considerado na reunião de planejamento de Sprint. Sem eles, a equipe teria uma incompleta compreensão do item e não estaria pronto para incluí-lo em um Sprint. .

O Product Owner é responsável por confirmar se os critérios foram satisfatoriamente atendidos.

Saiba mais em nosso mini curso gratuito.

Ele pode optar por executar os testes de aceitação ele mesmo ou pode pedir a ajuda de usuários experientes, mas o Product Owner é quem dá a palavra final se um item atende todas as expectativas.

Outra dica importante: É interessante que o Product Owner verifique os critérios de aceitação durante a execução do Sprint ao invés de esperar até a revisão do Sprint. Ao fazer isso, o Product Owner pode identificar erros e mal-entendidos que a equipe pode corrigir antes da revisão Sprint.

Colaborar com a Equipe de Desenvolvimento

O Product Owner deve colaborar frequentemente com a Equipe de Desenvolvimento de uma forma muito direta e estreita.

O papel do Product Owner exige um, comprometido e engajamento diário. Muitas organizações que recém adotam Scrum falham neste ponto. Não promovendo o engajamento adequado do Product Owner com a Equipe de Desenvolvimento.

É mais fácil compreender a importância disso quando comparamos com o método tradicional de desenvolvimento, onde o envolvimento do usuário é muito maior no início do projeto (concepção, levantamento de requisitos), cai durante o desenvolvimento em si (atividades mais técnicas como design, codificação e testes unitários) e volta a ter envolvimento novamente quase no final do projeto para testar o que foi desenvolvido.

Scrum-vs-Tradicional

O problema do desenvolvimento tradicional é que, geralmente, o usuário descobre que o que foi desenvolvido não está exatamente como ele esperada e agora muito tarde ou muito caro para fazer as mudanças, pelo menos nesta versão.

Não é raro, em projetos que não usam o Scrum, ver discussões como esta:

Cliente: "Se vocês tivessem lido as minhas especificações com mais cuidado, vocês teriam construído o que eu realmente queria "

Equipe de Desenvolvimento:  "Bem, se você tivesse escrito o seu documento de forma mais clara, teríamos Construímos algo diferente. Nós construímos o que você pediu! "

Usando Scrum, construímos uma funcionalidade de cada vez, e não uma fase de cada vez. Isto significa que realizamos todas as atividades para criar uma determinada funcionalidade (design, codificação, testes) durante um Sprint.

Portanto, um alto nível constante de engajamento do Product Owner é essencial!

E o melhor disso tudo é que aquele diálogo de troca de acusações que citei acima, raramente (eu diria que praticamente nunca) acontece em projetos onde o Scrum é adotado de forma correta (leia-se, todos executando corretamente o seu papel).

Colaborar com o resto da empresa

O Product Owner é o porta-voz de toda a comunidade de partes interessadas, internas e externo da empresa.

Partes interessadas internas podem incluir responsáveis por sistemas internos, executivos, área de marketing e vendas, etc. As partes interessadas externas podem incluir clientes, usuários, parceiros, órgãos reguladores, entre outros.

O Product Owner deve trabalhar em estreita colaboração com toda a comunidade de partes interessadas para recolher necessidades e sintetizar uma visão coerente para orientar o desenvolvimento do produto.

Características / Habilidades pessoais

Existem inúmeras características que podemos destacar em um bom Product Owner, porém podemos agrupá-las em quatro grandes categorias:

  • Conhecimento de Negócio,
  • Habilidades Pessoas,
  • Autoridade,
  • e Responsabilidade.

Caracteristica-Product-Owner

Conhecimento do Negócio

O Product Owner deve ser um visionário capaz de sintetizar a visão do produto e levar a equipe para alcançar essa visão.

Para ser eficaz na criação e execução da visão, o Product Owner deve ter o conhecimento e domínio do negócio.

Habilidade com Pessoas

Um Product Owner também deve ser a "voz do cliente", o que requer um bom relacionamento com estes.

É normal que muitas vezes as pessoas tenham necessidades conflitantes, portanto o Product Owner deve ser um bom negociador e sempre buscar um consenso.

Como o Product Owner é o eixo entre a comunidade de interessados no projeto e o resto da Equipe Scrum, esta posição exige uma boa comunicação para transmitir as informações da forma mais apropriada.

Autoridade

O Product Owner deve ter a autoridade necessária na organização para tomar decisões.

Este item é tão crucial para o sucesso do projeto Scrum que vou repetir em letras garrafais 🙂

O PRODUCT OWNER DEVE TER A AUTORIDADE PARA TOMAR DECISÕES!

Um problema frequente em empresas que recém adotam Scrum é que a pessoa selecionada para ser o Product Owner não tem poderes para tomar todas as decisões importantes do projeto. Tal pessoa não deve ser o Product Owner., simples assim.

O Product Owner também deve estar preparado para tomar as decisões mais duras, como mudanças de escopo, data e orçamento. Estas decisões devem ser tomadas em tempo hábil e não devem ser revertidas sem uma boa razão.

Responsabilidade

O Product Owner é o responsável por entregar bons resultados do ponto de vista de negócios.

Isso não quer dizer que a Equipe Scrum não tem sua parcela de responsabilidade nisso. O ponto aqui é enfatizar que o Product Owner é responsável por se certificar que os recursos estão sendo usados ​​da melhor forma (economicamente falando) para atingir os resultados de negócio esperados.

O Product Owner é um membro da Equipe de Scrum e, portanto, deve entender que os bons resultados econômicos são impossíveis sem os esforços colaborativos da Equipe Scrum como um todo.

Desta forma, o Product Owner deve trabalhar junto com a Equipe de Desenvolvimento e Scrum Master para que esta parceria resulte em resultados satisfatórios.

Dica: É interessante quem, tanto o Product Owner quanto o Scrum Master, criem um ambiente na equipe como o da história dos 3 mosqueteiros. Um por todos e todos por um!

O dia-a-dia do Product Owner

Para entender melhor a função do Product, segue uma ilustração do seu dia-a-dia em um projeto ágil.

Dia a Dia do Product Owner

  • Durante as semanas 1 e 2 o Product Owner está envolvido no planejamento do produto (ou portfólio de produtos).
  • Após a conclusão do planejamento do produto, este poderá ser submetido para alguma aprovação interna da empresa (para avaliação econômica estratégica, etc.).
  • Na semana 3 o Product Owner já pode planejar o início do primeiro Release. Isso geralmente é feito através de uma reunião que inclui todas as partes interessadas internas, os membros da Equipe de Desenvolvimento, e, possivelmente, as partes interessadas externas para gerar um Product Backlog de ​​alto nível que pode ser usado durante o planejamento do Release.
  • Após o esta reunião, o Product Owner participa de um workshop (provavelmente uma série de reuniões ao longo de um dia ou dois) no qual os membros da Equipe de Desenvolvimento (ou uma equipe substituta caso a equipe atual ainda não tenha sido atribuída) estimarão o tamanho, de um modo mais geral, dos itens do Product Backlog.
  • Com isso, o Product Owner pode promover a reunião de Planejamento do Release. Como alguns itens do Product Backlog já foram estimados, esta reunião é mais focada na priorização e escolha de quais itens serão entregues no Release. Para a maioria dos projetos esta atividade não deve demorar mais de um dia ou dois para ser concluída.
  • Após o planejamento do release, a equipe Scrum realiza o primeiro Sprint. No início do Sprint o Product Owner supervisiona a atividade de planejamento de Sprint. Durante a execução de Sprint, o Product Owner pode participar das reuniões diárias (Daily Scrums) da equipe (isso nem sempre é possível, mas é uma boa prática).
  • O Product Owner também deve estar disponível (normalmente todos os dias) para responder à perguntas e para testar funcionalidades conforme elas forem disponibilizadas para testes. Se o Product Owner já sabe que ele não poderá estar disponível todos os dias para executar essas responsabilidades, ele deve delegá-las para uma pessoa apropriada.
  • O Product Owner também realiza constantemente o Grooming do product backlog, o que inclui escrever novos itens e refinar os itens existentes.
  • No final do Sprint, o Product Owner participa das duas atividades de Inspeção e Adaptação:: a Revisão de Sprint (Sprint Review) e a Retrospectiva do Sprint.
  • Após isso, o ciclo se repete e o Product Owner participa da próxima atividade de planejamento de Sprint (até o final do projeto).

 

Vídeo sobre Product Owner

Para sintetizar tudo isso, fizemos um vídeo explicando o papel do Product Owner, confira abaixo:

Não deixe também de conferir o nosso mini curso gratuito.

Deixe seu comentário se gostou 🙂

 

Scrum: A Metodologia Ágil Explicada de forma Definitiva
Como implantar Scrum: O passo-a-passo para a sua empresa migrar para o método ágil